Mulher denuncia ex-companheiro por atirar contra ela e os filhos em Jaboatão

Existe uma medida protetiva contra o ex-companheiro, que também a teria agredido fisicamente há cerca de dois meses

Por Cristiano 29/11/2018 - 19:14 hs

Uma mulher de 28 anos denunciou ter sido vítima de uma tentativa de feminicídio por parte do ex-companheiro na tarde desta quinta-feira (29), no Alto Santa Rosa, Engenho Velho, Jaboatão dos Guararapes, Grande Recife. A vítima, identificada como Juliana Gomes, estaria saindo de casa e entrando em um veículo de aplicativo quando o ex-companheiro, identificado como Deivson de Moura, 36 anos, chegou de moto, sacou uma arma e atirou contra ela. Na ocasião, ela estaria acompanhada dos três filhos. Ninguém foi atingido pelos disparos.

De acordo com informações da Delegacia da Mulher de Prazeres, também em Jaboatão, já existe uma medida protetiva contra Deivson para não se aproximar da vítima. Há cerca de dois meses ele teria agredido Juliana, que fez um Boletim de Ocorrência registrando o crime, mas não teria ido à Vara de Proteção à Mulher para que as medidas legais fossem tomadas.

Testemunhas afirmaram que os dois tinham um relacionamento que durou 10 anos, mas estariam há seis meses separados. Deivson não aceitaria o fim da relação e estaria ameaçando a ex-companheira de morte.