Futuro governo poderá ter 22 ministérios, afirma Bolsonaro

Por Cristiano 28/11/2018 - 21:55 hs

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, afirmou na tarde desta quarta-feira (28) que o seu governo poderá ter até 22 ministérios, sete a mais do que os 15 que ele havia previsto inicialmente. Atualmente, o governo Temer possui 29 ministérios.

De acordo com Bolsonaro, a última pasta poderá ser o Ministério das Mulheres. Isto porque houve um forte apelo por parte da bancada feminina. A informação foi dada um pouco antes dele deixar o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em Brasília.

O ministro extraordinário da transição, Onyx Lorenzoni, anunciou na tarde desta quarta-feira (28) que o deputado federal Marcelo Álvaro Antônio (PSL) será ministro do Turismo no governo de Jair Bolsonaro.

Marcelo Álvaro está no segundo mandato e foi o deputado mais votado de Minas Gerais nas últimas eleições. Ele faz parte da frente parlamentar evangélica no Congresso e é o segundo ministro filiado ao PSL, partido do presidente eleito, no governo.

Além dele, Bolsonaro anunciou, pelo Twitter, que o atual secretário executivo do Ministério da Integração Nacional, Gustavo Henrique Rigodanzo Canuto, vai comandar o Ministério do Desenvolvimento Regional. Esta pasta, que ainda vai ser criada, deve agregar as atuais atribuições dos ministérios da Integração Nacional e das Cidades.

Por fim, o deputado federal Osmar Terra foi confirmado pela assessoria do governo de transição para ocupar a pasta da Cidadania. Ele foi ministro de Michel Temer no Desenvolvimento Social e deixou o cargo em abril para concorrer à reeleição na Câmara.

Reportagem, Cintia Moreira